0

Dias

0

Horas

0

Minutos

0

Segundos

Dê-me, por Deus, um trago de esperança... Fale-me, como se fala a uma criança do amor, do mar, das aves... de você!

Faça login para comentar...